CARNaval sem Polícia será uma CARNificina

Publicado: 09.02.2012 em Greve, Polícia Militar
Imagem

Com a Greve da Polícia da Bahia, a os baianos passam a conhecer o terror que afligiu os pernambucanos em 1997, onde da primeira greve da Corporação Policial Militar em Pernambuco, assaltos, arrastões, execuções e pânico tomaram conta da Capital Pernambucana e dos Municípios vizinhos, hoje não se faz diferente na Bahia.

Fica mais do que constatado a coesão da nossa constituição, onde prevê que a preservação da ordem pública nos Estados brasileiros e no Distrito Federal, cabe exclusiva e certeiramente a PM, pois é primordialmente polícia ostensiva, aquela que é percebida, notada, que está ali para resolver e sanar os problemas, encaminhando seus causadores aos órgãos por ela auxiliados (Ler artigo 144 da Constituição Federal de 1988);

A falta de compromisso dos Estados com seus Militares, primeiramente é a falta de compromisso dos Políticos com seus eleitores, quando propiciam aos profissionais públicos de segurança um ambiente insatisfatório, não acolhedor, e além de tudo, falta de subsistência, já que a função policial militar exige de seu candidato a exclusividade para o serviço, não podendo este possuir outra função, contudo, não se subsidia meios para que este policial satisfaça-se com seu ordenado, nem que este supra as necessidades básicas de sua família;

Imagem
Normalmente o Judiciário interpreta a lei em conformidade com cada caso, o indivíduo e sua conjuntura socioeconômica, delimita, determina e influencia a sentença do magistrado, podendo este ser absolvido de crimes previstos no código penal, como fora o caso da filha que matou o pai, por esse te-la violentado desde criança e com ela ter constituído família, e notar que seu genitor/companheiro estava prestes a cometer a mesma barbárie com sua  filha (Leia matéria: http://wiinformacoes.blogspot.com/2011/08/mulher-acusada-de-matar-o-pai-e.html). Em circunstancias distintas a essa, a acusada poderia ser condenada, porém devido a  todo arcabouço que teceu esta história, houve a absolvição.

Pergunto-me porque leva-se tanto a risca a punição do policial militar quando este manifesta-se em um movimento grevista, quando é de fato conhecido sua situação de total deploração salarial, que devido a isto muitos precisam descumprir o veto de possuir outra renda fazendo os famosos bicos, e diante de todo desfavorecimento, ainda ter que lidar com o descompromisso do governo com suas aspirações e necessidades.

Não entendo qual deva ser a prioridade de um país, quando seus quintais (estados) estão em total fragilidade, reféns da criminalidade política que hostilizando pais de famílias que estão por baixo daquelas fardas, suando-a todos os dias, a fim de trazer uma vida digna à sua família; às portas de dois eventos mundiais, o Brasil não consegue dar segurança aos seus próprios policiais, avalie aos seus contribuintes e turistas!

Imagem

Um País ilusionista, que camufla seus problemas em cartões postais, de modo a atrair pela beleza da mulata turistas desavisados da falta de segurança nas ruas, espantando-os pelas máscaras que caem à cada decepção do primeiro encontro. Que venha a copa, as olimpíadas,  que venha o mundo embrulhado pra presente! mas primeiro que o Brasil seja para os brasileiros! que haja segurança, paz e sossego.

Como pois falar de Sossego num País em que seus Estados não zelam pelo principal órgão constituído para isso? paga-se trocados a homens e mulheres, para que sejam o bodes emissários de uma política suja e sem escrúpulos, e acima disso que carreguem em seus lombos, como verdadeiros burros-de-carga, o peso da incompreensão de uma sociedade negligente de seus direitos, e omissa em suas responsabilidades políticas, cobrando do Policial Ostensivo, o que de fato cabe ao Deputado, que “senta em sua cadeira para tomar cafezinho” , pois acha “que não tem nada o que fazer”. 

Imagem
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s